top of page

Investindo no Tesouro Direto


 

Autor Fábio Rodrigues Contador


Me siga no Instagram para mais dicas ou entre em contato e agende uma reunião que irei ajudar sua empresa.




 

O Tesouro Direto é um programa que foi criado pelo Governo Federal no ano de 2002, como uma forma de democratizar a compra e venda de títulos públicos federais.

Investindo no Tesouro Direto é possível obter uma alta rentabilidade com risco relativamente baixo, mas é necessário conhecer bem esse tipo de aplicação e se ela é a mais adequada para você!


O que é o Tesouro Direto?

O Tesouro Direto nada mais é do que um Fundo de Renda Fixa, ou seja, o investidor compra títulos públicos federais do Governo Federal e obtém renda pré-determinada. É considerado um investimento seguro e previsível.

Investir no Tesouro Direto significa aplicar recursos no Governo Federal e receber um lucro como retorno. É uma das formas que o governo utiliza para sanar dívidas e obter dinheiro para suas atividades financeiras.

Após a criação do Tesouro Direto, se tornou possível que pessoas físicas consigam investir diretamente nesse tipo de aplicação, o que antes só era possível através de cotas em fundos de investimento.


O que é preciso para investir

Investindo no Tesouro Direto é possível obter uma rentabilidade previsível e os requisitos são bastante palpáveis.

Basta ser inscrito no Cadastro de Pessoas Físicas, ou seja, possuir CPF e possuir conta corrente em qualquer uma das Instituições cadastradas para compra e venda de títulos do tesouro nacional.

No site do Tesouro Direto é possível obter uma lista de todos os agentes cadastrados. É importante que o investidor pesquise bastante antes de optar por um agente de custódia para que não se envolve em negócios que lhe trarão altos custos com taxas de administração.

A partir desse cadastro, o investidor já pode administrar virtualmente sua compra de cotas de títulos públicos federais.


Formas de investimento no Tesouro Direto

Existem três formas principais de compra para quem está investindo no tesouro direto:

● Compra direta

Essa é a principal forma de investimento no tesouro direto. Nessa modalidade o investidor entra com sua senha pessoal e administrar suas negociações. Basta ter conta corrente em um dos agentes habilitados que constam no site do Tesouro.

● Compra por meio de agente de custódia

É possível ainda realizar a compra de títulos públicos federais através de um agente de custódia. Dessa forma o investidor autoriza um Agente de Custódia a realizar as transações em seu nome.

● Compra direta no site do agente de custódia

Essa é uma forma em que os investidores administram seus títulos e os negociam a partir dos sites das Instituições de agência de custódia. No site, a Instituição possibilita que o investidor negocie seus próprios títulos.


Vantagens do investimento no Tesouro Direto

Investindo no Tesouro Direto, o investidor adquire diversos benefícios, entre os principais podemos listar:

● Alta rentabilidade

● Taxas de custódia baixas

● Possibilidade de diversificação dos investimentos

● Opção de investimentos a longo prazo com alta rentabilidade

● Gerenciamento fácil

● Liquidez garantida

● Alto poder de tomada de decisões

● Baixíssimo risco


Qual o risco de investir no Tesouro Direto?

Um dos maiores riscos para quem está investindo no Tesouro Direto é precisar vender seus títulos antes do prazo estipulado. Nesses casos o investidor perde muito da rentabilidade que obteria quando resgatasse seu dinheiro no prazo correto.

Por isso, é aconselhado investir no Tesouro Direto somente um percentual que você não irá utilizar para nenhum outro fim, caso contrário, busque um investimento de curto prazo.

Quanto ao risco de crédito, ou seja, a possibilidade de que o governo federal não arque com o pagamento aos seus investidores, analistas garantem que é um risco muito baixo, porque colocaria em xeque a confiabilidade do próprio país.

Para ter certeza de estar investindo no Tesouro Direto, no entanto, é possível avaliar os melhores momentos para esse investimento assessorado por um bom consultor financeiro.



Fabio Rodrigues
Fabio Rodrigues


Autor Fábio Rodrigues Contador


Instagram

@fabiorodrigues.contador

2 visualizações0 comentário

Commentaires


bottom of page